• Assessoria de Imprensa

Parceria entre Prefeitura, Estado e Exército, garantem pacote de obras para Santa Rosa do Purus

Prefeito firma parceria com Governo do Estado do Acre e Exercício Brasileiro que vão garantir a pavimentação de ruas, abertura de ramais e a revitalização da pista de pouso.


Na manhã desta terça-feira, 10, o prefeito José Altamir Sá e o comandante do 7º Batalhão de Engenharia de Construção, coronel Augusto Maciel, estiveram na capital, para celebrar com o Governador Gladson Cameli, uma parceria estratégica que vai garantir a pavimentação de ruas, abertura de ramais e a revitalização da pista de pouso.

Santa Rosa do Purus, é um dos quatro municípios isolados do estado, que vai receber um pacote de obras resultante de uma parceria formada entre governo estadual, Exército e a Prefeitura Municipal.

Com a presença do diretor do Deracre, Petrônio Antunes, e do secretário de Infraestrutura, Cirleudo Alencar, o governador garantiu o suporte financeiro para a pavimentação de 6 km de ruas na malha viária urbana, a reabertura de 70 km de ramais e a pavimentação em concreto dos 1.200 metros da pista de pouso, fundamental para a população local. Um investimento de R$ 44 milhões.


“A experiência do 7º BEC nos dá a segurança para levar esse pacote de obras até Santa Rosa. O governo tem uma gratidão muito grande a esse grupamento do Exército, que tanto já colaborou para o progresso do nosso estado”, observou o governador.


O coronel Augusto Maciel lembrou que em 1999 o 7º BEC abriu mais de 30 km de ramais na região, uma experiência que, segundo ele, “orgulha o Batalhão”.


Para o prefeito José Altamir, só com a parceira do governo o município tem condições para avançar na execução de obras dessa envergadura. “Saio daqui muito grato ao governador pelo que ele vem fazendo por nossa gente. Vivemos numa região isolada, onde tudo é mais difícil, mas estamos voltando com boas notícias”, disse.

Esgotamento sanitário e pavimentação de ruas

O Estado já executa obras na cidade. O secretário Cirleudo Alencar disse que está em andamento a pavimentação de ruas em concreto armado e a construção de 590 unidades sanitárias em moradia. O pacote de obras está orçado em R$ 8,7 milhões, com recursos do Banco Mundial.


“O governo está preocupado com os municípios isolados. Essas ações fortalecem a economia local, porque toda a mão de obra é local, além da aquisição dos insumos disponíveis no município. A prefeitura está inaugurando uma olaria e vai ampliar a oferta de tijolos para essas obras”, observou.

0 comentário