• Samuel Lima

Em Santa Rosa do Purus o Rio volta a Transbordar e mais de 100 pessoas são levadas para os abrigos


A Prefeitura de Santa Rosa do Purus, voltou com os trabalhos de remoção das famílias atingidas pela cheia do rio que banha a cidade. Até a manhã de hoje (22), 33 famílias e mais de 100 pessoas, já estavam abrigadas em escolas mantidas pelo poder executivo municipal.

A régua de medição da Defesa Civil de Santa Rosa do Purus mostrou, por volta do meio-dia, que o Rio Purus alcançou os 9m76cm. Já às 16h30, o nível subiu para 9m88cm. Vale lembrar que a cota de alerta é de 8m e de transbordamento é de 9m. A situação tende a piorar, devido às fortes chuvas que estão caindo na região.

A prefeitura espera o pedido de remoção de novas famílias, nas próximas horas. Segundo informações extraoficiais, seis aldeias indígenas foram atingidas. Na zona urbana, três ruas no Centro da cidade, já estão tomadas pelas águas.

Ao AcreNews, o prefeito Tamir de Sá ressaltou que a prefeitura tem colaborado para amenizar o sofrimento da população atingida. “Tá uma situação difícil, por aqui. As coisas estão muito caras e temos enfrentado problemas com a logística (…). Mandei uma equipe para montar abrigos, criar uma estratégia para ajudar a população que foi atingida. Nós estamos dando o apoio dentro do possível”, disse.

Sá enfatizou ainda que trabalhou com a sua equipe visando diminuir os impactos do inverno, porém, eles não esperavam um número tão grande de pessoas atingidas pelas enchentes.

“Agora nós estamos gastando um pouco mais de recursos para dar um pouco de conforto para a nossa população. Nós estamos sensíveis e vendo como a população vem sofrendo com esse desastre natural (…). Estamos ao lado da população prestando apoio, ajuda e estamos otimistas”, frisou.

Por fim, Tamir Sá informou que já fez contato com o governo do estado por meio da Defesa Civil estadual para pedir reforço e ajuda neste momento.


Agência AcreNews

Por Wanglézio Braga / Foto: Sandra Britto

Editado pela ASCOM

0 comentário